quarta-feira, 24 de junho de 2009

Estados Unidos surpreendem e vencem a Espanha

Os Estados Unidos é, definitivamente, a zebra dessa Copa das Confederações. A seleção americana – que, para muitos, não passaria nem da 1ª fase – venceu a imbatível Espanha por 2 a 0 e está na final da Copa das Confederações. O resultado não é inesperado a toa. A Espanha, atual campeã européia e número 1 no ranking da Fifa, estava há 35 jogos sem perder, ou seja, quase 3 anos de invencibilidade. Mas a Fúria não jogou nem metade da exibição feita na primeira partida da competição, na qual chegou a golear a Nova Zelândia por 5 a 0. Os Estados Unidos aproveitaram as falhas da seleção espanhola e marcaram duas vezes, com Altidore e Dempsey.



Altimore comemora o primeiro gol da seleção americana.

A Espanha não entrou com a mesma atitude das outras partidas, talvez por menosprezar o adversário ou talvez por ter muita confiança no time. O certo é que uma das melhores seleções do momento passou sufoco com a seleção americana, que não tem expressividade no futebol. Os Estados Unidos nunca tinha chegado a uma final de um torneio organizado pela Fifa. A seleção americana chegou com perigo primeiro, aos oito minutos, com um chute de Dempsey que passou perto da trave. A Espanha tentou, três minutos depois, com uma cabeçada de Fernando Torres. A seleção espanhola tinha maior posse de bola, mas não criava oportunidades efetivas de gol. Mas, com um rápido contra-ataque, Altidore recebeu na entrada da área, girou e chutou fraco para o gol. O goleiro Casillas aceitou.



O jogador espanhol Fabregas lamenta o segundo gol dos Estados Unidos.

No segundo tempo, os americanos seguraram o resultado na base da raça e da garra, reforçando a defesa. A Espanha, precisando do gol, foi para o ataque. Em alguns lances, a seleção espanhola, quase chegou ao empate. Mas parou na defesa americana, no goleiro, e na falta de sorte. A pressão da Espanha era muito forte, mas desatenta na defesa, acabou errando muito. E foi a partir de duas falhas da seleção espanhola que os Estados Unidos chegaram ao segundo gol. Na intermediária, após um vacilo do jogador espanhol, os Estados Unidos recuperam a bola. Donovan recebe na lateral e cruza para Dempsey, mas Sergio Ramos intercepta a bola na pequena área e demora para sair jogando. Dempsey aproveita a bobeada e chuta para o funda da rede. Assista aos gols da partida entre Espanha e Estados Unidos pela semifinal da Copa das Confederações:


10 comentários:

Erica disse...

Foi demais
adoreiii!!!

Bruna Cabral disse...

Nossa, e bota surpreendente nisso, hein?
agora esperemos a final. Eu boto fé que o Brasil ganha.
Vamos verrr!
=D
Beijão

melke disse...

Ei Ana Paula,
em primeiro lugar, queria te dar parabéns, afinal, não é toda mulher que tem "peito" de entrar nesse mundo masculino da Net e ainda falar de esporte.
Não ligo muito para futebol, mas pelo jeito que você descreveu a partida deve ser sido uma vitória emocionante.
Parabens para a seleção Americana.
Parabens pelo Blog.

Diego Janjão disse...

Assim que eh bom...

e espero que o Brasil fique esperto tb e desça desse salto alto que a seleção tem...

Anônimo disse...

A Espanha vacilou legal, sacanagem os EUA lavaram a burra, e o Cruseiro agora metendo o pau no Gremio.

BLOGdoRUBINHO
www.blogdorubinho.cjb.net
www.twitter.com/blogdorubinho

Pobre Esponja disse...

Gostei dessa vitória por 3 motivos, exceto por um (de que o Brasil, passando amanhã, pegará uma equpe sem expressão): ajudará o Soccer a popularizar-se nos USA, pela Zebra em si e por mostrar que só há um esporte (pelo menos de quadra, campo) em que o pior pode vencer o melhor: o futebol.
Já visitei aqui algumas vezes, blog muito bom, parabéns.

Se possível visite-me
Pobre Esponja

abç

diegudinho disse...

Ah, eu acho que a Espanha fi com tudo o que tinha, mas a defesa dos Estados Unidos estavam muito boa, estavam fortes, efizeram gols com as poucas chances que tiveram;
http://dmscontos.blogspot.com/

Gabriel Spiecker disse...

E ai Ana Paula, tudo bem?
Encontrei teu blog na Comu da blogspot no orkut!
Meu blog tb fala sobre esportes, principalmente futebol ;P
Vou "seguir" vc, blz?
Se quiser faze o mesmo, fica a vontade!

..

sobre o post .. a Espanha tava num salto alto fora do comum, é bom levar um tombo pra se ligar .. haha
o Brasil só agradece, estamos com uma mão na taça ;P

até+

Ivan Júnior disse...

Zebras acontecem, mas o futebol nunca foi exato, muitas vezes o pior vence, mas como a galera disse, salto alto é pra festa, chuteira é pra jogo.

Jogo é jogado e lambari é pescado, não fez, leva, e aí entre várias outras frases que fazem parte da realidade do futebol.

Brasil tem hoje a melhor equipe do mundo no futebol, mas é claro que não é invencível pra adversário nenhum.

Jeferson Assis disse...

Eu chooooro pra Espanha.
Tenho certeza que eles entraram de salto alto em campo.
Camisa não pesa na hora do jogo.

Vlw EUA..